6 dicas para vender melhor pelo celular

 Shutterstock

Entre um anúncio visto no celular e outro no computador, quase cinco vezes mais usuários (9% contra 2%) lembraram da marca espontaneamente numa pesquisa divulgada há pouco tempo pela consultoria americana InsightExpress. Não é de estranhar, portanto, que um estudo da Deloitte indique a mobilidade como o desafio mais urgente do varejo em 2012. O Brasil terminou o mês de março com 250,8 milhões de celulares e, segundo a International Data Corporation, em 2014 a conexão móvel à internet ultrapassará a fixa no país.

A hora é essa, mas por onde começar? Investir em mobile commerce (m-commerce) exige a escolha de opções tecnológicas e o desenvolvimento de estratégias de marketing e vendas. Os celulares e smartphones existentes no mercado operam com os navegadores conhecidos dos internautas das conexões fixas (Firefox, Explorer, Safari etc.), além de diversos sistemas operacionais (Android, iOS, Windows Mobile etc.). A plataforma a ser construída depende da combinação desses três fatores (dispositivo, navegador e sistema operacional).

Há dois caminhos para implantar uma estratégia de comunicação: criar um aplicativo ou um site mobile.

Em tese, os aplicativos são mais recomendáveis, porque são feitos especialmente para celulares e por isso aproveitam melhor os recursos e formatos dos aparelhos – um site mobile não interage com o telefone, por exemplo. Isso (aparência e praticidade) faz muita diferença na hora de conquistar clientes. No entanto, o fato de serem feitos especialmente para um determinado sistema operacional cria um complicador sério: um aplicativo para iOS não serve para Android e assim por diante – os sites mobiles, por seu lado, são multiplataforma. Além disso, os aplicativos, como se sabe, precisam ser adquiridos e instalados – um a um, para cada empresa e serviço que interessar ao usuário.

Exemplos de aplicativos para iPhone bem-sucedidos são o do site de compras eBay, dos Estados Unidos, e da Saraiva.com no Brasil. Já o site mobile da Apple chegou a ser considerado melhor do que a loja online tradicional numa pesquisa recente entre os usuários.

Os site mobiles têm a facilidade de serem acessíveis durante a navegação na internet, à semelhança de um site comum. Por isso, dependendo da quantidade de recursos e serviços que se pretende utilizar – ou seja, se forem relativamente simples –, o site mobile pode atingir um público maior com menor investimento do que os aplicativos. Uma grande vantagem nesse aspecto é que o endereço do site pode ser amplamente divulgado (entram inclusive nos mecanismos de busca) e acessado sem restrições. Também pode ser modificado sem alteração do endereço. Vale aqui uma recomendação para todos: mesmo investindo em aplicativos, a empresa só tem a ganhar com a criação de uma versão mobile do site já existente. Há serviços que convertem o site da empresa em versão móvel rapidamente, como o Mobify, o Wirenode e o Onbile.

A seguir, algumas dicas no desenvolvimento de serviços de compra por celular:

1. Quando anunciar, não esqueça de integrar o anúncio ao serviço de vendas.

2. Ofereça descontos no mobile para compra na loja e facilite ao máximo as informações sobre como chegar até lá (localizador, endereço, telefone).

3. Dê a possibilidade ao cliente de se inscrever no site ou no aplicativo para receber SMS com informações sobre a marca, os pontos de venda e promoções.

4. Ofereça recursos confortáveis para o usuário: nada de ícones, teclas e botões muito pequenos e difíceis de clicar no touch screen, nem uso de zoom. Tente evitar ao máximo a necessidade de barra de rolagem e conteúdos em Flash.

5. Pense na praticidade e na rapidez, porque o usuário de celular está sempre correndo. O ideal é que ele bata o olho e já entenda a mensagem. Reduza ao máximo o número de cliques necessários para completar as operações (principalmente as operações de efetuação da compra).

6. Garanta o redirecionamento do site tradicional para o site mobile e vice-versa.

 

Fonte: Portal PEGN

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s